quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

2011 está quase aí!

Um Feliz e colorido 2011 para todos nós!

Para todos os amigos, seguidores ou não que passam por cá, saibam que a sua visita me deixa extremamente feliz!

Obrigada por sua companhia!
E à todos vocês desejo felicidade, saúde, paz, amor!
Espero os encontrar aqui, em 2011!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Bolo Para o Natal 2010


Passo correndo e coloco aqui, hoje, o bolo que pretendo para o Natal.
Fiz um teste hoje e o resultado me agradou! Como sei que para o Natal pode ser impossível fazer fotos, deixo aqui a sugestão.
As fotos não ficaram boas. Falta de iluminação, pressa e outros fatores reunidos não ajudaram! Porém, o que importa é que o bolo ficou bom!


"Bolo de Amêndoas com Doce de Leite e Pêssegos"

Para o bolo:

1 xíc. (chá) de farinha de trigo para bolos (com fermento)
1 xíc. (chá) de açúcar
1/2 xíc. (chá) de farinha de amêndoas (amêndoas bem moídas)
1/2 col. (chá) de bicarbonato de sódio
1/2 xíc. (chá) de margarina líquida (ou manteiga amolecida)
3 ovos
1 col. (chá) de extrato de baunilha
125g de iogurte grego

Em uma tigela, misture todos os ingredientes secos e depois vá adicionando os restantes ingredientes, uma a um, misturando delicadamente até se incorporarem.
Coloque em assadeira untada (usei uma de 20cm de diâmetro) e leve ao forno pré-aquecido em 180º, até que fazendo o teste do palito este saia limpo.
Deixar esfriar completamente sobre uma grade.
Depois de frio corte ao meio, obtendo dois discos. Reserve.


Para o recheio:

200g de creme de leite fresco/natas frescas batidos em ponto de chantilly
150g de doce de leite/leite condensado cozido
200g de geléia/compota de pêssego

Numa tigela misture os ingredientes, delicadamente para não perder a leveza do chantilly. Reserve.

Para a cobertura:

200g de creme de leite fresco/natas frescas
2 col. (sopa) de açúcar de confeiteiro/açúcar em pó

Juntar os ingredientes e bater em ponto de chantilly. Junte à esse chantilly 3 col. (sopa) de leite condensado e misture delicadamente. Reserve.


Para o disco de chocolate:

100g de chocolate 74% derretido.

No papel manteiga/vegetal faça um círculo de 20cm de diâmetro e risque-o, dividindo-o em 8 partes.
Coloque o chocolate derretido dentro de uma manga de confeitar descartável ou um saco plástico. Corte a ponta do bico e deixe uma abertura pequena. Cubra os riscos com chocolate derretido e depois vá deixando o chocolate cair em movimentos circulares e arabescos unindo as partes e formando um rendado.
Leve ao frigorífico por uns 2 ou 3 minutos, até o chocolate ficar firme. Reserve.

Ainda:

Metades de pêssegos em calda.



Montagem:

Na forma em que assou o bolo, coloque um dos discos de bolo assado e molhe-o com calda de pêssego.
Sobre esse disco, coloque o recheio e coloque o disco restante por cima.
Molhe esse disco com a calda de pêssego também.
Cubra com papel alumínio e leve ao frigorífico por umas 3 horas.
Depois desse tempo, desenforme o bolo no prato de servir e cubra-o com a cobertura, por toda a volta e por cima.
Coloque pedaços de pêssegos em caldo à volta do bolo coberto.
Retire o disco de chocolate do papel e coloque sobre o bolo coberto.
Coloque um pouco da cobertura num saco de confeitar e faça o acabamento na base do bolo, contornando os pedaços de pêssegos.
Coloque um pouco de cobertura no centro do disco de chocolate e termine com uma fatia de pêssego em calda sobre ele.

Espero que gostem tanto quanto nós aqui em casa!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Brownie Triplo Para Oferta


Uau! O tempo voa! Já estamos quase no Natal e ainda há tanto para fazer em tão pouco tempo!
Resolvi confeccionar grande parte das ofertas de Natal, desde a embalagem até ao "recheio"! Por isso sumi da blogosfera, mas vocês entendem, né?! Foi por um bom motivo! Tentarei, sem promessas, postar algumas das coisinhas que fiz.
Trago uma hoje. Uns brownies deliciosos com uma receita com a assinatura da chocolorida Simone Izumi, que eu retirei de seu excelente Chocolatria!
Claro que eu tinha de meter a minha colher, por isso acrescentei alguma coisinha! Como fiz duas receitas, fiz uma como o original da Simone e na outra acrescentei chocolate branco, por isso de Duplo passou a Triplo!

Vou colocar aqui a receita escarrapachada da Simone, com as minhas adições em parênteses!


"Brownie Duplo (Que Virou Triplo) de Chocolate e Avelãs (Nozes)"
(Fiz duas receitas e cada uma rendeu 16 pedaços)

Ingredientes:
150 g de manteiga sem sal
250 g de chocolate meio amargo em pedaços
4 ovos grandes
150 g de açúcar refinado
100 g de açúcar mascavo
1/2 colher (chá) de sal
1.1/2 colher(chá) de baunilha
150 g de farinha de trigo
180 g de chocolate meio amargo picadinho (+ 100g de chocolate branco picadinho)
1/2 xícara de avelãs tostadas e grosseiramente picadas (usei nozes no lugar das avelãs)

Modo de Fazer:
Pré-aqueça o forno a 180 graus.
Forre uma assadeira tamanho 33x23cm, com papel alumínio ou manteiga, deixando sobrar bordas nas laterais - para facilitar na retirada do bolo da assadeira.
Em uma tigela apropriada para microondas, junte a manteiga e o chocolate e leve por cerca de 3 minutos, na potência média, ou até que estejam derretidos. Misture bem e reserve.
Em uma outra tigela, bata os ovos e os dois açúcares até ficar cremoso, fiz tudo na mão.
Adicione o sal, a mistura do chocolate e a baunilha. Adicione gradualmente a farinha e por último os pedacinhos de chocolate e as avelãs.
Despeje a mistura na assadeira preparada e leve para assar por cerca de 30 minutos, até firmar. O seu interior ainda deverá estar bem pegajoso, molinho… para que quando esfrie, continue cremoso.
Esfrie por completo e só então retire o brownie da assadeira. Se quiser, deixe no freezer por uns 10 minutos depois de frio. Isto facilita na hora da retirada. Sirva em temperatura ambiente.


Depois de frios e cortados, somente no momento antes da entrega embalei cada pedaço em papel manteiga (vegetal) e coloquei nas embalagens.

Ficaram muito bons e todos gostaram muito!

Obs.: As fotos deste post foram feitas já há algum tempo, da primeira vez que preparei essa receita.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Bolo de Aniversário da Minha Amiga Mena, Versão 2010!


O Natal está chegando e os dias estão ficando curtos! Correr para conseguir preparar tudo o que eu inventei de fazer para alguns amigos. Porque eu acho que as prendas feitas por nós, por mais simples que sejam, tem um valor especial! Dá trabalho, é correr o dia todo, mas é tão bom!
Por isso não sobra tempo para mais nada, mas eu preciso postar hoje! Porque esse post é uma homenagem à minha amiga Mena, que ontem fez aniversário! Houve festa! Oba! E toda festa de aniversário tem de ter um bolo!
E para falar do bolo, eu tenho de começar um pouco antes da sua preparação.
Vocês sabem o que é um "bicho teimoso da muléstia"? Bem, essa é uma personagem que eu conheço bem! Vejo coisas e preciso fazê-las! O "bicho teimoso da muléstia" toma conta do meu cérebro, e eu só penso nessas coisas!
Foi o que aconteceu quando eu vi esse bolo da nossa querida amiga Marly! E, não bastasse uma vez, ele apareceu no meu caminho uma outra vez! Talvez um sinal, para que eu não deixasse escapar a ocasião! Por isso, esse foi o escolhido para o aniversário da Mena, com algumas adaptações!
Escolhido o sabor do bolo, restava a decoração. Que também vem de uma possessão do tal "bicho", desde que vi esse post de um blog que eu acompanho há muito tempo, o I am Baker da Amanda. Colocavam-se aqui dois entraves. Primeiro, há anos que eu não uso um saco de confeitar e as minhas mãos estão um tanto enferrujadas! Segundo, na hora de confeitar o bolo dei por falta do meu bico de pétala! Deve ter-se extraviado em alguma das nossas mudanças de casa e eu nem dei por isso. Daí que, como o "bicho teimoso da muléstia" não perdoa, fiz a decoração com um bico de folha!
O importante é que todos ficaram contentes! A Mena e a sua família e amigos, eu e o "bicho teimoso da muléstia"!


"Bolo Piña Colada"

Para o recheio:

500g de chocolate branco, picado
200g de creme de leite fresco/natas frescas
500g de abacaxi em calda, picado (reserve a calda para molhar o bolo, juntamente com uma col. (chá) de rum)
100g de coco ralado
2 col. (sopa) de rum

Junte o chocolate, o creme de leite/natas e o rum em uma tigela e leve ao microondas, em potência média, por 2 minutos.
Retire do microondas e misture bem, até obter uma massa lisa, sem grumos.
Deixe amornar.
Junte o abacaxi bem picado e o coco ralado.
Misture bem e leve ao frigorífico por umas 3 horas.

Para o bolo:

2 xíc. (chá) de farinha de trigo para bolos (com fermento)
2 xíc. (chá) de açúcar
1/2 col. (chá) de bicarbonato de sódio
100g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente
4 ovos grandes
250g de iogurte natural

Misture todos os ingredientes secos numa tigela. Reserve.
Noutra tigela, misture muito bem os ingredientes restantes.
Junte as duas misturas até obter uma massa lisa.
Leve para assar em forma untada. Eu usei uma forma de 25cm untada com o Spray de Untar.
Forno pré-aquecido em 180º, por uns 35/40 minutos.

Para a cobertura:

400g de creme de leite fresco/natas frescas
3 col. (sopa) de açúcar de confeiteiro/em pó
1 col. (sopa) de essência de coco

Junte os três ingredientes e bata até o ponto de chantilly.


Montagem:

Depois do bolo assado e frio, corte-o ao meio e coloque um disco na forma onde foi assado. Molhe com parte da calda do abacaxi e rum. Coloque o recheio e sobre esse o outro disco e molhe com a calda de abacaxi e rum. Leve ao frigorífico por umas duas horas.
Desenforme o bolo novamente e passe uma espátula para uniformizar a superfície, na região do recheio. Também com uma espátula, distribua uma camada de chantilly por todo o bolo.
Com o saco de confeiteiro e o bico de pétala, no meu caso foi folha, faça zig-zag verticalmente nas laterais do bolo. Na parte de cima, faça o mesmo zig-zag circulando o bolo, de fora para dentro.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Bolo de Fubá Cozido (Cremoso)


O fim de semana foi frio, chuvoso, cinzento, gripado! Mas apesar de tudo isso, o clima convidava a preparação de um bolinho. De preferência bem caipira, para saborear com um cafézinho. Fui ao meu caderninho antigo de receitas e escolhi um bolo de fubá que faço muitas vezes, e que a receita vi no Jornal Hoje de muitos anos atrás. Mas dessa vez, resolvi acrescentar queijo parmesão ralado. Uau! Ficou ótimo, muito cremoso!
Ah, as fotos foram feitas com o único quadradinho de bolo que restou!


"Bolo de Fubá Cozido (Cremoso)"

(Copos de 250ml)

2 copos de fubá/farinha de milho
2 copos de açúcar
2 copos de leite
1 copo de óleo
4 ovos separados
2 col. (sopa) de fermento em pó
50g de queijo parmesão ralado (adicionado por mim, não faz parte da receita original)

Leve ao fogo, em uma panela, o fubá, o açúcar, o leite e o óleo, misturando sempre até formar um angu/creme que solte do fundo da panela. Deixe amornar bem.
Bata as claras em neve/castelo e junte as gemas.
Junte a mistura da panela aos ovos batidos e misture levemente, de baixo para cima.
Junte o fermento em pó e o queijo ralado e continue misturando levemente.
Coloque em assadeira untada e leve ao forno pré-aquecido em 180º, por uns 40 minutos ou até que enfiando um palito no centro esse saia limpo.

Para polvilhar:

Açúcar
Canela e cravo em pó

Misture tudo e polvilhe o bolo.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Salmão com Sabor à Setúbal


Para vocês que me acompanham por aqui não é novidade alguma a minha paixão por Setúbal! Talvez porque o marido setubalense tenha incutido em mim o amor que sente pela terra. Talvez por ter sido minha primeira morada em Portugal. Talvez porque Setúbal me lembre outra cidade que amo: Santos! Talvez porque toda a região de Setúbal seja linda e lá eu me sinto bem! O importante é que sempre que podemos estamos lá!
E para homenagear aquela região tão especial para mim, preparei um prato que usa ingredientes bem setubalenses: laranja e Moscatel Roxo! Dois itens que nunca faltam aqui em casa!


"Salmão à Setubalense"
(para 2 pessoas)

4 lombos de salmão
Sumo de 1 laranja
3 col. (sopa) de Moscatel Roxo
1 col. (sopa) de azeite de oliva
1 col. (café) de Tabasco
1 col. (café) de caril/curry
1 col. (chá) de sal marinho
1 col. (café) de alho em pó
1 col. (chá) de alcaparras
100g de natas frescas/creme de leite fresco

Misture muito bem o sumo da laranja, o Moscatel Roxo, o azeite, o Tabasco, o caril, o sal, o alho em pó.
Coloque essa mistura sobre os lombos de salmão e deixe marinar por 1 hora.
Depois de marinados, grelhe os lombos em uma frigideira untada com azeite e reserve-os.
Na mesma frigideira coloque a marinada e deixe que o álcool do vinho evapore.
Junte as alcaparras e as natas e deixe reduzir um pouco.
Coloque os lombos de salmão nesse molho por alguns minutos e sirva em seguida.

Eu servi o salmão acompanhado de Arroz de Avelãs.
Não há segredo algum. Quando estiver refogando a cebola e o alho para o arroz, junte 2 col. (sopa) de avelãs moídas. Continue o preparo do arroz normalmente.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

O mal-amado!


Há quem o ame! E há quem o odeie! E ele é bom moço, gosta de fazer o bem e ajudar as pessoas a ter uma vida saudável!
Sim, ele é o fígado! Rico em vitaminas e tantos outros compostos que fazem o fígado ser considerado um "super-alimento", como você pode constatar lendo esse texto aqui!
Eu gosto de fígado! Não, na verdade eu adoro fígado! O fígado está presente na minha alimentação desde sempre. Minha mãe sempre introduziu alimentos saudáveis e funcionais na nossa dieta e eu continuo com muitos bons hábitos alimentares, apesar dos bolos, mousses e outras coisinhas!
A sugestão de preparo do fígado que trago hoje é a que minha mãe faz com mais frequência, até porque é a que nós mais gostamos!
Aqui acompanhei o fígado com spaghetti integral. Um prato perfeito para a minha dieta de combate a hipoglicemia!


"Picadinho de Fígado"

400g de fígado de boi, limpo e cortado em cubinhos
1 cebola pequena cortada em tiras
1 pimentão/pimento verde pequeno cortado em tiras
Sal
Pimenta
Azeite de oliva

Numa panela, aqueça o azeite e refogue a cebola até ficar transparente.
Junte o fígado e refogue, até começar a juntar líquido.
Junte o pimentão, o sal e a pimenta.
Baixe o fogo no mínimo e deixe cozer até ficar macio.
Sirva com arroz branco ou com massa.


Para os que gostam de fígado, fica mais uma maneira de preparo. Para os que não gostam, fica uma sugestão para provarem. Quem sabe lhes agrada, não é?!

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Bolo de Compota


Em Portugal se diz compota. No Brasil é geléia. O importante é que é uma deliciosa maneira de aproveitar as frutas e manter o seu sabor por muito tempo depois de suas épocas.
Há anos atrás eu resolvi misturar geléia na massa do bolo e ver se resultava. Resultou tão bem que continuei fazendo a mistura. Abacaxi, pêssego, cereja, jabuticaba, amora. Qualquer compota que eu tinha à mão, virava bolo! Dessa vez é a groselha negra ou cassis.
Fiz o bolo no fim de semana, porque estava ansiosa para estrear uma forma nova que ganhei do meu marido. Sim, eu ganho utensílios de cozinha do marido! E adoro! É por isso que ele os dá!



"Bolo de Compota ou Geléia"

2 xíc. (chá) de farinha de trigo, peneirada
1 xíc. (chá) de açúcar
1 col. (sopa) de fermento em pó
4 ovos, separados
250g de compota/geléia (eu usei de cassis, mas pode ser a de sua preferência)
1 copo de iogurte natural (antes eu usava creme de leite/natas, mas mudei para iogurte e ficou bom na mesma)
1/2 xíc. (chá) de manteiga sem sal, amolecida

Ligue o forno em 180º.
Bata as claras em neve e reserve.
Junte o açúcar às gemas e bata até obter um creme claro.
Junte a manteiga e o iogurte e misture.
Junte 3 col. (sopa) de compota e misture.
Junte a farinha peneirada e misture delicadamente.
Junte uma pequena parte dessa mistura às claras em neve e misture, delicadamente, de baixo para cima com uma espátula, até incorporar tudo.
Junte as duas misturas e continue misturando da mesma forma: delicadamente, de baixo para cima.
Coloque a massa em forma untada. Usei o Spray para Untar. Reserve uma pequena parte da massa.
Por cima da massa, distribua bocados de geléia. Cubra com o restante da massa.
Forno por 35/40 minutos, ou até que fazendo o teste do palito esse saia limpo.

Como a geléia é mais pesada que a massa, vai descer até o fundo da forma. Por isso, quando virar o bolo a geléia estará no topo.
Polvilhe açúcar em pó/confeiteiro, se preferir.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Bolo de Chocolate Branco Sem Farinha


Como tenho de manter-me longe dos hidratos de carbono e, por isso a farinha branca está proibida, continuo com as minhas experiências nos bolos sem farinha. Porque, obviamente, eu sou louca por bolos!
Como também gosto muito de chocolate branco, resolvi experimentar um bolo de chocolate branco em que não entre a farinha branca.
O resultado foi um bolo com uma textura cremosa, denso, pouco doce.
E aqui está ele!

Atenção: este bolo não está livre de hidratos de carbono, pelo contrário, está cheio deles! Esta foi apenas uma maneira de fugir da dieta com menos culpa! :o)


"Bolo de Chocolate Branco Sem Farinha"

250g de chocolate branco, de boa qualidade, picado.
70g de manteiga sem sal
120g de açúcar
5 ovos, as claras separadas das gemas
1 col. (chá) de extrato de baunilha
125g de amêndoas sem pele, moídas muito finamente
1/2 col. (chá) de fermento em pó
1 col. (chá) de sementes de papoula

Bata as claras em neve/castelo e reserve.
Num refratário, junte o chocolate picado e a manteiga. Leve ao microondas, em potência média, por 2 minutos. Retire do microondas e misture até a manteiga estar incorporada no chocolate derretido. Pode também usar o banho-maria, se preferir. Reserve.
Na batedeira, junte as gemas e o açúcar e bata até formar um creme leve e fofo. Junte a mistura de chocolate derretido às gemas e misture delicadamente.
Junte um pouco das claras em neve à essa mistura e envolva, delicadamente, misturando de baixo para cima com uma espátula.
Junte as amêndoas moídas, a baunilha, o fermento, as sementes de papoula e o restante das claras em neve e volte a misturar delicadamente.
Coloque em uma forma untada (usei o spray da Espiga) e leve ao forno pré-aquecido em 180º por uns 30 minutos, ou até que fazendo o teste do palito esse saia limpo.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Flores para uma Tertúlia!



Quando recebi o e-mail da Moira, me convidando para participar do 3º aniversário do Tertúlia de Sabores, fiquei extremamente feliz! O Tertúlia foi um dos primeiros blogs de culinária que eu segui. A Moira tem a maravilhosa capacidade de me deixar na expectativa! Quando recebo o aviso de um novo post dela, já começo a imaginar: "O que será que a Moira preparou?"
Mas hoje, sou eu que vou preparar alguma coisa para a Moira! Porque "Hoje a Moira vem jantar..."!


A primeira idéia que me veio à cabeça foi de preparar um pão, pois sei da paixão da Moira por pães e quanto ela nos ensina sobre eles! Infelizmente, a minha tentativa não vingou e meu pão foi um fracasso!

Lembrei-me, entretanto, que a Moira gosta muito de entradas! E nas entradas eu já posso me arriscar com mais sucesso!
Moira, espero contar com a sua simpatia e com os deliciosos posts do Tertúlia por muitos anos mais!
E como os aniversariantes merecem flores, aqui estão elas!



"Flores de Presunto e Queijo para Moira"
(para 4 porções)

4 fatias de presunto serrano/parma
1 maçã fuji (usei a do Brasil por ser mais doce) cortada em cubinhos
1 col. (chá) de manteiga sem sal
1 col. (café) de gengibre em pó
4 fatias grossas de queijo de cabra
Mel
Ramos de tomilho fresco para enfeitar

Numa frigideira, salteie a maçã na manteiga com o gengibre em pó. Reserve.
Com a fatia de presunto, forre uma forminha de muffin/empada deixando cerca de um dedo para fora. Repita o mesmo nas outras três forminhas.
Sobre o presunto, distribua a maçã salteada entre as forminhas.
Sobre a maçã, coloque a fatia de queijo de cabra e sobre o queijo coloque um pouco de mel.
Leve as forminhas ao forno pré-aquecido em 180º, até que as bordas do presunto estejam estaladiças e o queijo derretido.
Retire do forno, desenforme, enfeite com o tomilho e sirva.

Link
Quero aqui agradecer ao Cenk, do delicioso blog Café Fernando, que também é uma referência para mim! Estava preparando os "Egg in a cup" para o marido, quando imaginei as "Flores para Moira"!
Cenk, o marido amou a sua sugestão! Espero que você goste da minha versão!

"Egg in a cup"